WhatsApp

FALE CONOSCO
PELO WHATSAPP

FIQUE POR DENTRO

FIQUE POR DENTRO
Pessoa estudando os índices financeiros

SAIBA COMO A INSPER JR. PODE AJUDAR NO AUMENTO DOS SEUS ÍNDICES FINANCEIROS!

Quando se trata dos recursos financeiros, tomar decisões é sempre mais complicado. Afinal, um erro pode significar que a empresa irá prejudicar os seus recursos operacionais. Mas se você quiser se sentir mais seguro, para poder agir nesses momentos, pode contar com índices financeiros para tomar decisões.

Indicadores de desempenho financeiro são fundamentais para medir o sucesso das ações do seu negócio. Você consegue mensurar o desenvolvimento da sua empresa com relação aos objetivos definidos previamente.

Acompanhar esses indicadores financeiros permitem que você entenda como está o desempenho das pessoas que lidam diretamente com o dinheiro da empresa, se as estratégias e planos de ações colocados em prática, estão alcançando os resultados desejados.

Além disso, com eles, o empreendedor tem dados concretos para fundamentar suas decisões como cortes de gastos, análise de viabilidade de investimentos, entre outros, e não deixar que elas sejam tomadas por meio de “achismos”.

Pensando nisso, hoje neste post  iremos falar sobre esses indicadores e como a Insper Jr. pode te ajudar a monitorá-los e otimizá-los para garantir uma melhor saúde financeira da sua empresa.

O que são indicadores financeiros?

Há um tempo, gestores acreditavam que o desempenho da empresa estava diretamente relacionado ao faturamento obtido, número de funcionários que eram contratados, as contas pagas,

No passado, os gestores acreditam que o desempenho da empresa estava relacionado apenas às quantias financeiras investidas, o número de funcionários contratados ou dispensados, os lucros obtidos, dentre outras informações relevantes.

Apesar de serem dados importantes, eles geram informações incompletas, pois é necessário que o gestor também se aprofunde nos setores do seu empreendimento.

E, dessa forma, os indicadores financeiros servem para quantificar e qualificar o desempenho dos recursos financeiros que circulam na organização.

Em suma, os indicadores demonstram o quão saudável está o empreendimento, e quais os possíveis cenários para o futuro.

Porque é importante acompanhar esses indicadores?

Os indicadores servem para dar um direcionamento melhor sobre as ações e decisões que serão tomadas. Sem indicadores, a empresa não tem um embasamento adequado para mensurar a realidade, e assim, poder planejar um futuro.

Ao tomar más decisões com relação aos recursos financeiros, o gestor pode deixar o seu orçamento no vermelho, prejudicando toda a operação da empresa.

Então, para evitar esse tipo de situação, é fundamental acompanhar tudo que acontece na gestão, todas as entradas, saídas, os centros de custos, os principais fatores envolvidos, e isso pode ser mensurado com indicadores financeiros.

Eles irão expandir o seu campo de visão, e assim permitir que você tenha atitudes mais assertivas e coerentes com o que a empresa está planejando.

Ao longo do tempo, o planejamento se tornará mais eficiente, e os erros tendem a serem diminuídos.

Além disso, imprevistos podem acontecer, e a economia sendo uma variável instável pode afetar seu negócio em uma situação de crise. Diante desse cenário, é importante estar preparado financeiramente, e, se você não tiver um bom controle financeiro, seu negócio tende a ser afetado negativamente, causando prejuízo e até um possível fechamento.

Quais são os principais indicadores financeiros?

A seguir, iremos demonstrar os principais indicadores financeiros que você tem que ficar constantemente monitorando na sua empresa:

  1. ROI – Retorno sobre Investimento

Esse indicador ele é fundamental para você acompanhar se os seus investimentos estão valendo a pena, ou não, o quanto ele está te rendendo, ou o quanto está te causando prejuízos.

Investimentos como campanhas de marketing, aquisição de algum equipamento para maximizar a produção, são ações as quais você deve acompanhar se o retorno sobre o investimento foi obtido.

A partir do acompanhamento do ROI, você consegue analisar quais ações te geraram mais lucro, quais as campanhas de marketing foram mais vantajosas, se a performance da equipe de vendas está condizente com o investimento feito nela, e assim entender se essas injeções de recursos financeiros, fazem sentido ou não para a realidade da sua empresa.

  1. Margem bruta

Esse é um dos indicadores mais tradicionais do mercado, e ele demonstra o quanto que você ganha em cima de cada venda, considerando os seus gastos com a produção, e com a venda da mercadoria.

O cálculo é feito utilizando o lucro bruto que vai ser dividido pela receita total, e esse dinheiro é o que vai ser utilizado para pagar os custos fixos da empresa, e ainda assim obter lucro.

  1. Margem líquida

A margem líquida é um indicador que demonstra o quanto que sobrou das receitas obtidas, após a subtração de todos gastos. Ou seja, ela deixa claro o quanto que você ganhou realmente em cada venda.

Os valores desse indicador está diretamente ligado ao crescimento da empresa, pois entendemos que quanto maior for essa margem, mais dinheiro você terá em caixa para poder investir na sua empresa, mais funcionários podem ser contratados, e consequentemente, e maior poderá ser a sua performance.

  1. Ponto de equilíbrio

Os indicadores estão naturalmente interligados, por isso, é interessante que eles sejam analisados de forma conectada.

O ponto de equilíbrio é um indicador que mostra o quanto você deve faturar para equilibrar suas contas, ou seja, receitas e despesas.

É uma informação que você precisa para analisar onde está a estabilidade financeira do seu negócio, e o quanto você precisa produzir, para garantir que ela aconteça.

Caso o ponto de equilíbrio esteja muito distante, há algo de errado no seu processo produtivo, ou na distribuição de recursos na sua empresa, por isso você deve tomar uma atitude para mudar essa realidade.

  1. Lucratividade

Lucro e lucratividade, apesar de foneticamente parecidos, são conceitos bem diferentes. O lucro está relacionado ao quanto que você fatura além das despesas que você tem que arcar, já a lucratividade mostra o percentual de rentabilidade do negócio.

Esse percentual ajudará o gestor a entender sobre a viabilidade do negócio, ou seja, se o modelo de negócio utilizado atualmente tem capacidade de gerar resultados que paguem pela estrutura da empresa, e ainda consigam com que o gestor obtenha lucro.

Como melhorar os indicadores financeiros da sua empresa?

Demonstrados os principais indicadores, vamos mostrar quais boas práticas podem ser adotadas para melhorar esses resultados.

  • Ter uma boa rotina de monitoramento

É importante que o gestor estabeleça uma rotina, na qual ele consiga periodicamente, identificar gargalos, analisar cenários, e se preparar com cuidado e antecedência possíveis situações futuras. 

  • Contratar uma consultoria financeira

Se você acredita que precisa de uma estruturação completa, mas não sabe por onde começar, existem profissionais que executam serviços com a finalidade de otimizar os processos da área de finanças, melhorar a saúde da sua empresa, e sanar os principais gargalos encontrados.

  • Ter uma boa rotina de alimentação de dados

Os indicadores financeiros só serão assertivos se a empresa tiver uma rotina adequada de registrar todas as saídas e entradas da empresa. Caso a empresa não tenha esse hábito, os indicadores não serão fidedignos, prejudicando a análise feita, e os possíveis planos de ações traçados.

  • Use a tecnologia a seu favor

Uma boa ação, é utilizar plataformas que garantam a automação dos processos financeiros, que demonstrem visualmente esses indicadores, e facilitem ainda mais o processo de análise e de tomada de decisão.

Invista seu tempo em otimizar a saúde financeira do seu negócio, e evite problemas futuros, principalmente com imprevisibilidades, nós da Insper Jr. estamos aqui para facilitar esse e outros processos na sua empresa!

ANTERIORPRÓXIMA