WhatsApp

FALE CONOSCO
PELO WHATSAPP

FIQUE POR DENTRO

FIQUE POR DENTRO
Equipe discutindo sobre sistema de informação

A SUA EMPRESA PRECISA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO? DESCUBRA AGORA!

A integração da tecnologia com o meio empresarial deixou de ser um luxo para se tornar necessário para o sucesso de uma organização. No entanto,  traduzir o oceano de dados em informações úteis para a sua empresa pode se tornar uma tarefa quase impossível sem a expertise necessária. 

Portanto, a contratação de uma equipe capacitada em sistemas de informação pode ser o melhor investimento para que sua empresa possa tomar decisões estratégias mais assertivas que contribuam para o crescimento do seu negócio. 

Se você está se perguntando o porquê do sistema de informação ser tão importante, ou, se a sua empresa está precisando desta ferramenta, este artigo é para você! Aqui iremos abordar: 

  • O que são os sistemas de informação?
  • Por que minha empresa precisa de um sistema de informação? 
  • Quais os tipos de sistemas disponíveis?  
  • O que é preciso para implantar um sistema de informação efetivo?

O que são os sistemas de informação?

Os sistemas de informação são elementos que coletam, manipulam, processam, armazenam e transferem dados. Ou seja, administram fluxos de informações de uma empresa de forma mais eficiente e ágil. 

Essas informações coletadas podem ser utilizadas com múltiplas finalidades, tais como:  análise de estoques, dados financeiros, compras, controle de processos internos e diversos outros. De forma geral, os sistemas de informação facilitam o acesso dos usuários à dados em tempo real, possibilitando a identificação de erros, sua rápida correção e a prevenção de falhas futuras. 

Por que minha empresa precisa de um sistema de informação? 

No meio empresarial, a implantação de um sistema de informação é um importante diferencial competitivo no mercado. Isso porque, permite explorar dados com um olhar tanto  individual como integrado a outros parâmetros externos. Com isso, a empresa poderá conhecer mais sobre si, seu público e, até mesmo, sua concorrência. Assim, o objetivo central desses sistemas é transformar dados brutos em informações claras para a tomada de decisões estratégicas. 

O avanço tecnológico não é algo exclusivo de grandes empresas que produzem uma imensa quantidade de dados. Pequenas empresas ou startups que oferecem soluções tecnológicas também podem se beneficiar com os sistemas de informação. Logo, podemos observar um dos melhores benefícios do sistema de informação: a sua flexibilidade. A obtenção desses sistemas, geralmente, segue uma estrutura em módulos. Portanto o gestor pode apenas estruturar os módulos de acordo com as suas necessidades. 

Além do mais, também podemos citar outras vantagens como: redução de custos, facilidade de acesso à informação, maior produtividade, e melhoria na estrutura organizacional. 

Quais os tipos de sistemas disponíveis?   

Agora que você conheceu a importância de se implantar sistemas de informação na sua empresa, vamos conhecer mais sobre eles. Há diversos tipos de sistemas de informação que podem ser empregados. Abaixo, trouxemos alguns exemplos e como eles podem ajudar a sua empresa atingir suas metas. 

  1. Sistemas de Apoio às Operações

Como o nome já sugere, estes são sistemas aplicados ao nível operacional. Sua função está relacionada com atividades diárias de uma organização, como o processamento de transações, controle de processos e banco de dados. São exemplos desses sistemas:

  • Sistema de Processamento de Transações (SPT):  função de registrar transações como pagamentos a colaboradores, impostos, valores recebidos, emissão de notas fiscais e controle de estoque. Desta forma, é um sistema que integra as áreas de contabilidades, vendas e Recursos Humanos. 
  • Sistema de Automação de Escritório (SAE) : São sistemas planejados para aumentar a produtividade e redução de custos do escritório por meio da utilização de equipamentos e programas de criação, armazenamento, manipulação e distribuição de informações entre os colaboradores. 
  1. Sistemas de Apoio Gerencial 

Embora os sistemas anteriores sejam extremamente úteis no dia-a-dia de uma empresa, eles não são capazes de fornecer informações mais específicas. Para isso, esses dados são utilizados nos sistemas de apoio gerencial. Estes sistemas de informação são os responsáveis por concentrar e transformar os dados em informações palpáveis para os gestores durante a tomada de decisões. Alguns exemplos são: 

  • Sistema de Apoio à Decisão (SAD) : Os SAD possuem uma grande capacidade analítica. São capazes de analisar, modelar e fornecer uma resposta rápida a um grande volume de dados, sejam internos ou externos à empresa. 

Os SAD são utilizados para análises de custos, investimento, de risco e outros. Uma vantagem desses sistemas é sua versatilidade em relação à solução de problemas e seu layout interativo.

  • Sistema de Informação Gerencial (SIG): Estes são sistemas de integração de dados de forma a gerar informações necessárias para a tomada de decisão. Os SIG produzem relatórios com informações contextualizadas que irão fornecer uma visão ampla, permitindo aos gestores a monitorização e o conhecimento verdadeiro do negócio.  Com isso, o objetivo do SIG é fornecer detalhes sobre a organização de forma a auxiliá-lo a atingir suas metas.  

O que é preciso para implantar um sistema de informação efetivo? 

Se você está convencido de que a sua empresa precisa de um sistema de informação, vamos trazer agora algumas dicas de como obter êxito com esta ferramenta. 

Primeiramente, é necessário que a empresa possua um profissional ou uma equipe de Tecnologia da Informação (TI) capacitada para este dever. Isso se dá porque quanto maior o domínio destes sistemas, maior a facilidade de administrar esses dados e produzir resultados relevantes para a organização.

Como descrevemos anteriormente, os sistemas de informação são necessários para suprir as necessidades de uma empresa. Com isso, estes precisam corresponder às expectativas, portanto, o gestor deve se atentar aos seguintes tópicos: 

  • Envolvimento de todos os colaboradores: Para que estes instrumentos possam trazer resultados fidedignos é preciso que toda organização esteja envolvida, e compreendam a importância deste sistema para alcançar os objetivos e metas do negócio.
  • Atender as necessidades reais dos usuários: Mostramos anteriormente alguns exemplos de sistemas de informação e sua aplicação. Desta forma, primeiramente os gestores devem examinar alguns pontos, por exemplo, qual a real necessidade da empresa, se os custos estão compatíveis e se esta solução está alinhada às estratégias do negócio.
  • Ser adaptável às novas tecnologias: A tecnologia não é estática, a todo momento um novo recurso ou aplicação pode ser desenvolvida. Assim, para não correr o risco de virar obsoleto rapidamente, pesquise sobre a adaptação desses sistemas às novas tecnologias. 
  • Não esqueça do fator humano: Embora esses instrumentos tenham surgido para agilizar e facilitar o processamento de uma grande quantidade de informações, o que poderia ser quase impossível se fosse realizado manualmente, é preciso ter em mente que eles não são independentes. 

É necessário um profissional que programe e monitore esses sistemas de informação, bem como, alguém que seja capaz de converter os resultados em decisões estratégicas. Ou seja, a competência do profissional de TI, assim como a habilidade da tomada de decisão com base na informação dos gestores são ainda determinantes para o sucesso da organização. 

Conclusão 

Neste artigo mostramos a importância da aplicação dos sistemas de informação. Esta é uma ferramenta essencial e um diferencial competitivo para que a sua empresa possa aumentar a produtividade e tomar decisões assertivas. Se você busca soluções para as operações ou gerenciamento em seu negócio, os sistemas de informação podem ser a sua resposta.

Com isso, esperamos que você esteja convencido sobre os benefícios desses sistemas. Utilize esse artigo como base e avalie as possibilidades para o seu negócio, como descrevemos anteriormente, esta é uma ferramenta versátil que pode se adaptar às diferentes necessidades das empresas. 

ANTERIORPRÓXIMA