WhatsApp

FALE CONOSCO
PELO WHATSAPP

FIQUE POR DENTRO

FIQUE POR DENTRO
Analista de dados estudando pesquisas para traças estratégias

VOCÊ REALMENTE SABE O QUE FAZ UM ANALISTA DE DADOS?

Em um mundo cada vez mais digital, saem na frente as empresas que sabem interpretar dados para criar ações e se aproximar dos clientes.  

Não é à-toa que um bom banco de dados já é um aliado de muitos negócios da atualidade.

Mas, informações soltas por si só não fazem nenhuma diferença. Assim contar com um analista de dados faz toda a diferença.

Afinal, esse profissional, muito além de coletar e analisar dados, é capaz de realizar uma análise profunda, com o intuito de identificar informações relevantes e precisas.

Quer saber mais como ele pode ser fundamental para o crescimento de uma empresa? Então continue lendo! 

O que faz um Analista de Dados?

O dia a dia de uma analista de dados pode ser bem dinâmico. 

Esse profissional, fundamental para a era digital, é responsável por entender quais são as fontes de dados necessárias para levantar informações, analisá-las e tratá-las, além de desempenhar outras atividades como criação de relatórios e dashboards. 

Toda essa análise é feita com o intuito de gerar insights para tomada de decisões assertivas e estratégicas. 

Outro ponto bastante importante para se ressaltar nessa profissão é que ela é fundamental para novas descobertas, o que gera uma comunicação mais clara com os clientes.

Ou seja, para alcançar clientes cada  vez mais conectados, contar com um analista de dados na equipe é bastante estratégico.

A importância da Análise de Dados para uma empresa

Analisar os dados de uma empresa não é importante apenas para identificar gargalos da atual  operação, como também para identificar possíveis  tendências de crescimento.

Principalmente porque uma boa análise permite o estudo completo de cada setor da empresa e não apenas de uma área específica.

Outras vantagens são:

  • Tomada de decisões assertivas

Para  resolver problemas reais é importante contar  com soluções também reais. Dessa forma, uma boa análise de  dados traz um panorama completo para que todas as equipes da empresa entendam quais os problemas atuais e como eles podem ser solucionados.

  • Sair  na frente  da concorrência

Para ganhar destaque no mercado, é preciso fazer a diferença, apresentar soluções para resolver as dores dos clientes.

Dessa forma, a análise de dados  é perfeita para identificar tendências, alavancar qualquer negócio e sair na frente da concorrência que não analisa as informações valiosas. 

  • Precisão dos dados

É bastante comum encontrar pesquisas falsas ou com dados mal interpretados e, uma vez que elas são divulgadas, dificultam o entendimento e até causam conflitos de informações.

Dessa forma, contar com um profissional analista de dados é primordial para resolver esses problemas e trabalhar apenas  com informações verídicas. 

  • Alavancar resultados

Já imaginou criar campanhas publicitárias para tentar alcançar clientes de todas as faixas etárias e diferentes hábitos de consumo? 

Parece impossível, né? Mas é justamente isso que acontece com a ausência de dados reais para direcionar as estratégias.

Com decisões assertivas é bem mais tranquilo traçar as estratégias certas para alcançar potenciais clientes.

Assim, o caminho para alavancar resultados torna-se bem mais curto.

Quais são os tipos de análises feitas por um Analista de Dados?

Quando falamos desse profissional, vários tipos de análises podem ser desempenhadas. Conheça algumas delas:

  • Análise Diagnóstica

Esta análise possui um objetivo bastante direto, sendo o de analisar o impacto de decisões por meio das seguintes perguntas:

  • O quê?
  • Quem?
  • Quando?
  • Onde?
  • Como?
  • Por que?

Todas as respostas dadas servem como orientação para compreender as causas e  maneiras de um acontecimento. E, dessa forma, realizar uma avaliação completa.

Uma situação para se analisar de forma diagnóstica, por exemplo, seriam os canais de vendas de uma loja, no sentido de entender o porquê eles estão sendo utilizados, com que objetivos, etc.

  • Análise Preditiva

Neste tipo de análise o passado é utilizado para entender o futuro. 

Parece confuso, né? Calma que já vamos te explicar!

Nesse caso, as análises são feitas para entender previsões sobre como algo poderá acontecer, por exemplo: situação de mercado, volume de vendas, etc. 

Ou seja, projeções mais reais para tomar decisões mais assertivas quanto ao futuro e não apenas baseadas em achismos. 

  • Análise Prescritiva

Aqui o objetivo é entender mais quais serão as estratégias que devem ser seguidas com base em projeções e com o foco de aumentar a eficiência nos processos.

É bem comum, nesse tipo de análise, utilizar estratégias de simulação para entender quais são os melhores percursos para alcançar o objetivo final.

  • Análise Descritiva

O objetivo desta análise é compreender as tendências que afetam diretamente o momento atual da empresa.

Ou seja, aqui o objetivo não é trabalhar com projeções nem hipóteses, e sim fazer um acompanhamento em tempo real do negócio para atualizar os gestores e outras pessoas das equipes. 

Essa análise é indispensável para a tomada de decisões imediatas,  além de para entender dados reais de vendas, cliques em abas de site, etc.

Quais são os atributos necessários para ser um Analista de Dados?

Antes de tudo é importante afirmar que não existem regras para se tornar esse profissional, tudo depende das necessidades e exigências  de cada empresa.

Porém, algumas qualificações são recorrentemente solicitadas para essa área, algumas delas são: 

  • Conhecimento de processamento de dados, matemática e estatística: principalmente para colher dados e fazer os cálculos necessários sem erros;
  • Proximidade com diferentes linguagens de programação: para criar sistemas e outros meios com os dados coletados;
  • Trabalho em equipe: para comunicar o repasse de informações importantes e valiosas para outras áreas;
  • Capacidade análise: essa é necessária para produzir informações claras por meio de dados  que muitas vezes possam parecer confusos para quem está externamente;
  • Olhar criativo: propor novas soluções a partir da sua base de informações é fundamental para se mostrar proativo. 
  • Habilidade em estatística: Na hora de realizar testes, analisar estatísticas é excelente para entender melhor os resultados e aproveitá-los a favor da empresa. 

Quais ferramentas são indispensáveis para um Analista de Dados?

Como já dissemos anteriormente, o dia a dia de um analista de dados pode ser bem dinâmico de acordo com cada empresa.

Mas, independente de qual seja o foco de atuação, algumas ferramentas são indispensáveis para esse profissional:

  • Excel: perfeita para organizar bem as informações de forma prática na correria do dia a dia;
  • Power BI: esse é um serviço de análise de negócios feito pela Microsoft que fornece interfaces bem intuitivas para descomplicar altas demandas de informações;
  • Google Analytics: ferramenta que permite a análise e monitoramento de desempenho de sites, como páginas mais acessadas, etc.;
  • Google Data Studio: outra ferramenta que permite a visualização de dados de forma mais clara. Além disso, essa ferramenta também permite compartilhar dados em tempo real por meio da nuvem com diferentes colaboradores;

Vale ressaltar que existem várias outras disponíveis, mas essas são bastante utilizadas e conhecidas no mercado.

Conclusão

Viu como um analista de dados pode ser fundamental para o crescimento de uma empresa?

Afinal, não dá para buscar crescimento apenas por meio de achismos, não é mesmo?

Sendo assim, conte sempre com esse profissional para interpretar dados que mesmo aparentemente não apareçam tão importantes para o seu negócio.

Afinal, um olhar estratégico traz toda a interpretação que muitas vezes podem passar despercebidos. 

Sucesso!

ANTERIORPRÓXIMA